Valsa lenta

Com o teu corpo encostado ao meu, aguento-te, para que não se desmorone o teu mundo ao meus pés, nesta valsa lenta.

Back to top